Páginas

Resenha: Se Arrependimento Matasse

Hoje veio resenhar um livro que recebi de parceria e que só posso afirmar ser de altíssima qualidade e sem duvida, um dos melhores suspenses nacionais. Espero que vocês gostem!

Autor: Alma Cervantes
Editora: Novos Talentos da Literatura Brasileira
N° de páginas: 246
Nota: 

Sinopse: Alex, Alice e Rebeca são grandes amigos e decidem se reencontrar depois de alguns anos sem se verem. O lugar escolhido é o hotel dos pais de Alex, mas o que parecia uma viagem especial, repleta de conversas agradáveis e descontraídas com os outros hóspedes durante o jantar se transforma, em seguida, num pesadelo.

Quando os três se preparam para dormir, ouvem batidas desesperadas à porta e seguem ao salão, onde logo descobrem que o cozinheiro fora assassinado. Com a comoção, somada à dificuldade de fuga devido à tempestade e névoa lá fora, a confusão logo se instala no hotel, além de um desagradável clima de suspeita entre os hóspedes. 

Opinião: Toda a emoção do livro começa logo no início da trama, com a morte do cozinheiro, o que devia ser apenas um jantar comum, se transforma em um pesadelo, e o leitor já precisa procurar um antiácido para conseguir chegar ao fim do livro. Outro ponto que gostei muito é como o autor transforma uma noite chuvosa em um hotel gigantesco em um verdadeiro labirinto sem saída. Quem gosta de filmes de suspense/terror, encontrará facilmente o clichê, onde, assim como os personagens de filmes, os hóspedes do hotel logo se darão conta de que existe um assassino a espreita e tentam fugir, mas adivinhem? Eles perceberam isso tarde demais, e agora, todos os carros no estacionamento já foram sabotados, e com a chuva e a névoa lá fora, tentar escapar será um problema.
A narrativa do livro flui muito rápido, em alguns capítulos a narrativa é feita em forma de interrogatório, o que foi um ponto super positivo para mim, pois assim, temos o ponto de vista de cada personagem e conseguimos ampliar nossa visão em relação aos fatos ocorridos. Todos os personagens do livro são ambíguos, ao mesmo tempo que apresentam sinais de inocência, apresentam alguns sinais de culpa, o que faz pensar que qualquer um poderia ser o assassino. De uma forma resumida e sem dar spoilers, posso dizer que durante TODO o decorrer do livro, o psicológico do leitor é colocado à prova.  
O enredo é super bem construído, o que faz do livro um suspense perfeito, cheio de reviravoltas e surpresas, e por parte do leitor, muita emoção misturado com nervosismo e ansiedade. Recomendo por ser um livro nacional que merece muito o nosso respeito, e quem gosta do gênero, vai amar sem duvidas. “Se Arrependimento Matasse” é um livro imprevisível que instiga o leitor a pensar em todas as possibilidades, mas que só dará as respostas que queremos no finzinho do livro. Surpreendente é a palavra que uso para descrever essa obra. 


Postar um comentário